Arquivos JB News 10 Anos

Atuação de MT na proteção às mulheres vitimas de violência é exemplo para o país, diz Maria da Penha

Publicados

em

 

O protagonismo de Mato Grosso na implementação da Lei Maria da Penha, que completa 13 anos, foi importante na luta pelo combate a violência contra às mulheres no país. A afirmação é da própria Maria da Penha, que empresta o nome a Lei 11.340/2006, e esteve na última sexta-feira palestrando em Cuiabá, durante o “Colóquio dos 13 anos da Lei Maria da Penha”.

O evento foi promovido pela Associação Brasileira de Mulheres de Carreira Jurídica – Mato Grosso (ABMCJ-MT), Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar no âmbito do TJMT (Cemulher) em parceria com o Governo do Estado e reuniu mais de 800 pessoas, no Teatro Zulmira Canavarros.

Em coletiva de imprensa, Maria da Penha ressaltou a atuação de mulheres que estão em cargos de liderança no combate a violação dos direitos femininos. Ela lembrou que a última vez que esteve em Cuiabá foi no ano de sanção da Lei e de lá pra cá muita coisa melhorou em relação às ações de enfrentamento.

Leia Também:  Moradores de bairros são acionados na justiça por degradar nascente

“Tivemos muitos avanços porque percebemos o envolvimento das mulheres que estão em cargos de liderança, seja na área da política, na magistratura, nas faculdades”, destacou Penha.

Maria da Penha ressaltou ainda a necessidade da criação de Centros de Referência da Mulher em todos os municípios brasileiros, no suporte às vítimas de agressão, ampliando a rede de proteção às mulheres que de alguma forma tiveram seus direitos violados. Durante o evento, ela contou sua história de luta para que seu agressor viesse a ser condenado.

A secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), Rosamaria Carvalho, destacou a necessidade de reforçar as políticas públicas de proteção às mulheres. Ela frisou que essa é uma prioridade do atual governo. “A primeira-dama Virginia Mendes defende essa ideia e vem acompanhando de perto as obras da primeira Delegacia 24 horas para atender mulheres vítimas de violência doméstica e familiar. A previsão é que a unidade seja inaugurada em setembro deste ano”.

Além disso, a secretária elencou que a Política de Assistência Social também está sendo direcionada para este público com a oferta de cursos de qualificação profissional, apoio e suporte em ações de inclusão social, campanhas na área de saúde, habitação e vários outros programas de cidadania.

Leia Também:  Joaquim Barbosa destaca a importância da harmonia entre os poderes


COMENTE ABAIXO:

Arquivos JB News 10 Anos

Kalil Baracat cobra melhorias na pavimentação de bairros

Publicados

em

Por

 

O vereador por Várzea Grande, Kalil Sarat Baracat de Arruda apresentou duas indicações que visam melhorias na pavimentação asfáltica de dois bairros da cidade.

Sua primeira indicação solicita do Poder Executivo Municipal junto à Secretaria de Infraestrutura a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica nas ruas do bairro Jardim Novo Horizonte, em sua totalidade.

Segundo Kalil a proposta é urgente e visa à realização de “tapa buracos” e reparos na pavimentação asfáltica.

“As ruas do bairro em questão encontram-se totalmente esburacadas, quase sem condições de tráfego, provocando pequenas colisões e avarias nos veículos dos que por ali transitam. É tamanha a calamidade em que se encontram as vias que não é possível especificar onde e quão grandes são os buracos. Atender à solicitação daquela comunidade é cumprir com o dever social e zelar pelo bem público e pelos munícipes”, explica o vereador.

Os moradores do bairro Jardim Potiguar também vem passando pelo mesmo problema e dessa forma, Kalil também indicou a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica em todas as ruas do bairro.

Leia Também:  Moradores de bairros são acionados na justiça por degradar nascente

“ As ruas Jardim Potiguar estão cheias de buracos com o aumento do fluxo de veículos pela região devido aos desvios das obras da Copa, quase que sem condições de tráfego. Além da falta de conforto e segurança, os buracos deixam o bairro com aspecto feio e mal cuidado desvalorizando os imóveis construídos ali. Dezenas de colisões com prejuízos financeiros e lesões físicas são registradas todos os dias naquele local”, disse Kalil Baracat.

 

Michelle Carla Costa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA