Arquivos JB News 10 Anos

Assistência Social consegue nota máxima em avaliação do Ministério do Desenvolvimento Social

Publicados

em

 

 

O município de Vera se destacou através da qualidade dos serviços do CRAS recebendo a nota 5

A Prefeitura Municipal de Vera através da Secretaria de Assistência Social se destacou e conseguiu a nota máxima em avaliação do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) que é o órgão fiscalizador da política de assistência social através do IDCRAS. O município de Vera se destacou através da qualidade dos serviços do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) que é medido pelo MDS e neste sentido Vera se destacou conseguindo a nota máxima neste item de 5.00 sendo esta, a que mais se aproxima dos padrões de qualidade desejável.

A Política de Assistência Social está organizada por meio do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), presente em todo o Brasil. Seu objetivo é garantir a proteção social aos cidadãos, ou seja, apoio a indivíduos, famílias e à comunidade no enfrentamento de suas dificuldades, por meio de serviços, benefícios, programas e projetos.

O CRAS é a porta de entrada da Assistência Social. É um local público, onde são oferecidos os serviços preventivos de Assistência Social, com o objetivo de fortalecer a convivência com a família e com a comunidade. E oferta o Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF) e o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). No CRAS, os cidadãos também são orientados sobre os benefícios assistenciais e podem ser inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

Segundo a secretária de Assistência Social Rosângela Giacomelli, os índices demonstraram aspectos positivos que sobressaíram na avaliação dos atendimentos recebidos pelas famílias usuárias dos serviços de Assistência Social em Vera. “Quero parabenizar minha equipe de trabalho, contudo sabemos que ainda precisamos avançar para atingir nota máxima em todos os níveis da política de assistência social local”, destacou.

O município de Vera ainda se destacou nos serviços do Cadastro Único onde está com índices acima do nível nacional em todos os serviços, no acompanhamento das condicionalidades da educação, saúde e assistência social. 

Acompanhamento das condicionalidades na Educação

No seu município, 371 crianças e adolescentes com perfil para acompanhamento das condicionalidades de educação precisavam ter a frequência escolar acompanhada no último bimestre. Dessas, foram acompanhadas 362, uma cobertura de acompanhamento de 97,57%. A média nacional é de 90,30% de acompanhamento na educação. O município possui, portanto, um acompanhamento da frequência escolar muito bom, acima da média nacional.

Leia Também:  Estado descumpre ordem judicial de transferir vítima de trauma para UTI

Acompanhamento das condicionalidades na Saúde

Na área da Saúde, 824 beneficiários foram acompanhados no último semestre. Compõem o público para acompanhamento das condicionalidades de saúde as crianças menores de 7 anos e/ou mulheres gestantes. O município conseguiu acompanhar 778 beneficiários, o que corresponde a uma cobertura de acompanhamento de 94,42%. A média nacional de acompanhamento na saúde é de 75,55%. Assim, o município possui um acompanhamento da agenda de saúde muito bom, acima da média nacional.

Acompanhamento da Assistência Social

A Taxa de Atualização Cadastral (TAC) do município é de 90,65%, enquanto que a média nacional encontra-se em 83,14%. A TAC é calculada dividindo o número de famílias cadastradas com renda mensal per capita de até ½ salário mínimo com cadastro atualizado pelo total de famílias cadastradas com renda mensal per capita de até ½ salário mínimo, multiplicado por cem. Isso significa que o cadastro no seu município está bem focalizado e atualizado, ou seja, a maioria das famílias cadastradas pertence ao público alvo do Cadastro Único. O município pode obter mais informações sobre a gestão do Cadastro Único no site http://mds.gov.br/assuntos/cadastro-unico

____________________________________________________________

Conheça os candidatos a conselheiros tutelares de Vera

As eleições serão realizadas no dia 06 de outubro e todas as pessoas com título eleitoral válido do município de Vera podem votar

A eleição para a escolha dos novos conselheiros será realizada no dia 06 de outubro. Nas dependências da Escola Municipal Urbana Aloísio Jacob Webler, com início previsto para às 08h. Os munícipes de Vera que tiverem seus títulos de eleitor válidos no município podem participar da eleição votando em um ou em até cinco candidatos. Para votar é necessário que a pessoa esteja com seus documentos pessoas com foto e com seu título eleitoral.

A divulgação do resultado final das eleições está prevista para ser divulgada até o dia 16 de outubro. E a posse dos conselheiros titulares eleitos será realizada no dia 10 de janeiro de 2020. Conforme informamos anteriormente o Conselho da Criança e do Adolescente de Vera irá realizar uma eleição para a escolha de novos conselheiros. Ao todo serão 08 eleitos, sendo 5 vagas para titulares que tomaram posse no dia 10 de janeiro de 2020 e 3 para suplentes que assumem caso algum dos titulares precise se ausentar. As eleições de acordo com o edital passaram por várias etapas que estão dispostas no cronograma de trabalho.

Leia Também:  Prova Brasil começa a ser aplicada em 620 escolas estaduais de Mato Grosso

Segue o link do edital; https://www.vera.mt.gov.br/fotos_downloads/900.pdf

____________________________________________________________

Sindicato Rural de Vera e Senar-MT em parceria com a Prefeitura realizam curso de Inclusão Digital

Duas turmas estão realizando o curso que agora é ministrado na sala de informática da biblioteca Municipal de Vera

O curso de inclusão digital rural ofertado pelo Sindicato Rural de Vera e Senar-MT em parceria com o Departamento de Cultura, teve início nesta segunda-feira (16) nas  dependências da Biblioteca Municipal de Vera na sala de informática. O curso está sendo ministrado para duas turmas sendo uma matutina e outra vespertina totalizando 18 alunos. O curso terá a duração de uma semana sendo finalizado na sexta-feira (20).

O programa de inclusão digital rural busca inserir e democratizar o acesso ao mundo digital para as pessoas que vivem no campo, gerando avanços na capacitação profissional e na qualidade de vida da população rural com cursos de informática e acesso à internet. Os sindicatos rurais formam grupos de produtores, trabalhadores rurais e colaboradores para aprenderem a utilizar o computador.

De acordo com o instrutor do Senar-MT Eder Lemes o Senar procura realizar um levantamento das demandas do setor de cada região para trazer a qualificação de mão de obra para o público. “O Senar em parceria com o Município e com o Sindicato Rural de Vera vem trazer cursos de qualificação gratuitos, para atender a população. Cursos básicos de 20 horas, onde o aluno vai ter acesso a conhecimentos básicos e as ferramentas principais como auxílio nas atividades profissionais como o uso da internet de maneira correta no âmbito de trabalho”, destacou o professor.

O conteúdo do curso foi informática básica, internet, canal do produtor, e-mail, criação de conta e BROFFICE. Com carga horária de 20 horas. E tinha o objetivo de identificar as ferramentas adequadas e eficientes das tecnologias da informação. Esta é a segunda vez que a parceria entre as entidades traz para os munícipes de Vera o curso de Inclusão Digital.

“É uma grata satisfação poder ter essa parceria com o Sindicato Rural de Vera através também do Senar, onde nós estivemos realizando o curso de inclusão digital rural, que beneficia as pessoas do município e Vera. Estamos com duas turmas. E nosso desejo é que cada pessoa que está passando por este curso possa aprimorar seus conhecimentos no mercado de trabalho e no seu dia a dia”, conclui Rodrigo Gomes chefe do Departamento de Cultura.

COMENTE ABAIXO:

Arquivos JB News 10 Anos

Kalil Baracat cobra melhorias na pavimentação de bairros

Publicados

em

Por

 

O vereador por Várzea Grande, Kalil Sarat Baracat de Arruda apresentou duas indicações que visam melhorias na pavimentação asfáltica de dois bairros da cidade.

Sua primeira indicação solicita do Poder Executivo Municipal junto à Secretaria de Infraestrutura a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica nas ruas do bairro Jardim Novo Horizonte, em sua totalidade.

Segundo Kalil a proposta é urgente e visa à realização de “tapa buracos” e reparos na pavimentação asfáltica.

“As ruas do bairro em questão encontram-se totalmente esburacadas, quase sem condições de tráfego, provocando pequenas colisões e avarias nos veículos dos que por ali transitam. É tamanha a calamidade em que se encontram as vias que não é possível especificar onde e quão grandes são os buracos. Atender à solicitação daquela comunidade é cumprir com o dever social e zelar pelo bem público e pelos munícipes”, explica o vereador.

Os moradores do bairro Jardim Potiguar também vem passando pelo mesmo problema e dessa forma, Kalil também indicou a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica em todas as ruas do bairro.

Leia Também:  Dom Bosco venceu o União no Estádio Luthero Lopes neste domingo

“ As ruas Jardim Potiguar estão cheias de buracos com o aumento do fluxo de veículos pela região devido aos desvios das obras da Copa, quase que sem condições de tráfego. Além da falta de conforto e segurança, os buracos deixam o bairro com aspecto feio e mal cuidado desvalorizando os imóveis construídos ali. Dezenas de colisões com prejuízos financeiros e lesões físicas são registradas todos os dias naquele local”, disse Kalil Baracat.

 

Michelle Carla Costa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA