POLITICA

Vídeo mostra vereador Abílio Júnior desequilibrado e xingando no corredor da Câmara de Cuiabá

Publicados

em

 

Video de Abílio mostra desequilíbrio para continuar como vereador  afirma colegas.

Mais um episódio triste da realidade na Câmara Municipal de  Cuiabá toma as redes sociais nesta sexta-feira.

Veja aqui:👇0

PAU TÁ QUEBRANDO NA CAMARA DE CUIABÁ – Abilio Brunini parte pro confronto direto com vereador Toninho de Souza. Quem se consagrará como pior vereador de Cuiabá?! Eleitor cidadão cuiabano é quem decidirá

Posted by Enock Cavalcanti da Silva on Friday, February 14, 2020

O vereador Abílio Júnior (PSC) aparece em mais um vídeo na Câmara Municipal agredindo o vereador e presidente da comissão de Ética da casa de Leis Toninho de Souza (PSD), com vários xingamentos no momento em que Toninho concedia  uma entrevista .

Mostrando desequilíbrio o vereador Abílio xiinga  por várias vezes  interrompendo do presidente da comissão.

Segundo  alguns  vereadores,  “esse comportamento de Abílio agrava ainda mais sua situação com os outros colegas vereadores, que poderiam de uma forma sensibilizar e  evitar sua cassação,mas um comportamento agressivo e desqualificado como este  só agrava ainda mais sua situação”.

Leia Também:  ‘Natal Feliz’ tem início no dia 30 de novembro com a chegada do Papai Noel em Várzea Grande

A Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara Municipal de Cuiabá votou, naultima quarta-feira (12), pela cassação do mandato do vereador Abílio do Júnior (PSC), por quebra de decoro parlamentar por 3 votos.

O pedido agora será enviado para o plenário da Câmara,onde terá o seu desfecho final.

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POLITICA

Auxílio de R$ 2 bilhões às santas casas e hospitais sem fins lucrativo foi votado hoje no senado

Publicados

em

 

Quatro projetos que atendem a algumas das demandas geradas pelo #coronavírus foram votados on line nesta terça- feira  02, pelos senadores da República .Entre eles, destaca-se o auxílio de R$ 2 bilhões às santas casas e hospitais sem fins lucrativos associados ao Sistema Único de Saúde #SUS, para atenderem às urgências causadas pela proliferação do vírus no país.

O senador por Mato Grosso Jayme Campos (DEM), postou nas redes sociais  que  “É muito importante que esses recursos cheguem logo a essas instituições porque a população que depende do atendimento público precisa de uma resposta à altura da complexidade deste momento”.

Disse também que foi  regulamentado o exercício da #telemedicina para qualquer atividade da saúde durante a #pandemia. “Essa é mais uma medida que busca preservar a saúde da população por meio do resguardo dos doentes e da destinação dos leitos e o atendimento do sistema público de saúde aos pacientes mais graves”.

Foi destacado no projeto que trabalhadores infectados ou que tiveram contato com doentes também estarão desobrigados de apresentar #atestado médico durante a crise, enquanto que santas casas e hospitais universitários não precisarão cumprir as metas contratadas com o SUS para receberem os repasses do @minsaude.

Leia Também:  Pedido para mudar data da eleição suplementar ao senado foi enviado ao TSE decisão sai até o dia 12

@henriquemandetta @lucimarcampos @juliocamposmt @antonio.anastasia @rodrigomaiarj @rodrigootaviopacheco @senadofederal @deputado_botelho @cesarmirandalima @senadodem

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA